SJ Financial II - шаблон joomla Форекс

wrapper

Novidades

Alexander Kapp - Alemão, professor de ensino médio e conhecido como o "criador" do termo Andragogia em 1833.

Alexander Kapp, um professor alemão, introduziu o termo Andragogia ao mundo em 1833. A primeira vez que se usa o termo Andragogia foi em seu livro chamado 'Platon's Erziehungslehre', que em português seria Ideias Educacionais de Platão. Nesse livro, Kapp descreve a necessidade de aprender ao longo da vida e que para isso se é preciso de muita auto-reflexão e ter objetivos claros de aprendizado (educação versus formação).

O professor alemão não explica o porque de ter usado o termo 'Andragogik', portanto não fica claro, se ele inventou ou se ele tomou emprestado de outra pessoa. Mas como não há outro registro anterior a este, Kapp ficou conhecido como o 'criador' do termo Andragogia. Ele não desenvolve uma teoria, mas justifica "andragogia", como a necessidade prática da educação dos adultos de uma maneira diferente ao método convencional que já se aplicava na época.

Nessa época há registro de outras ações envolvendo a educação de adultos, como na Europa (sociedade de leituras, ensino pelas igrejas, movimento Kolping, entre outros), assim como na América (Instituto Franklin, na Filadélfia, Instituto Lowell em Boston, o movimento Lyceum, as bibliotecas da cidade, museus, sociedades agrícolas, etc.); todas estas iniciativas existentes tiveram datas importantes entre 1820-1840, mas somente Kapp deu um 'nome' para a prática de ensinar adultos.

O método convencional que Kapp questionava a aplicabilidade para o adulto, não era recente e já havia sendo aplicado desde o século VII, quando surgiram na Europa as escolas para o ensino de crianças, que tinham como objetivo preparar jovens para o serviço religioso. Nessas escolas europeias se ensinava gramática, física e outras disciplinas, mas com foco em estudantes que ainda não se tornaram adultos. 

Entendeu-se por muito tempo que ao atingir um ciclo da vida, o ser humano não precisava mais frequentar uma sala de aula, pois já estava preparado para enfrentar uma atividade profissional e seguir uma carreira, pois possuia experiência e se valorizava os conceitos práticos e não mais os teóricos.

Kapp também faz referência a educação empresarial, inclusive citando como isso ajuda na evolução dos profissionais (deu exemplos: soldado, professor, orador e outros) e que para ensinar esse grupo de pessoas, não se deve ser só através do conhecimento dos professores e sim, da auto-reflexão e da experiência de vida dos participantes.

Nessa época o professor alemão conseguiu aplicar o conceito da Andragogia, porém foi muito contestado e logo caiu em desuso. O conceito só reapareceu em 1921, quando Eugen Rosenstock-Huessy (pensador, historiador e lingüista alemão) argumentou em um artigo que "a educação de adultos é necessária para professores especiais, e que seus métodos e filosofia deveriam ser aplicados".

 

Last modified on Sábado, 09 Abril 2016
Caio Beck

Especialista em Educação de adultos.

E-mail: caiobeck@andragogiabrasil.com.br

Skype: caio.beck

Curta a nossa página!